SESI PIRACICABA RECEBE SEGUNDA EDIÇÃO DO FESTIVAL DA CANÇÃO BRASILEIRA

Intérpretes e compositores se apresentam no teatro do SESI Piracicaba no próximo sábado, 21 de setembro a partir das 20h. Entrada é gratuita.

 Por: NÚCLEO DE COMUNICAÇÃO
18/09/201910:23- atualizado às 10:23 em 18/09/2019

No próximo sábado, dia 21 de setembro a partir das 20h, o SESI Piracicaba recebe a segunda edição do Festival da Canção Brasileira. A participação do público é gratuita e os ingressos podem ser reservados no MEU SESI.

O festival é uma iniciativa da parceria entre o SESI-SP e a EPTV e tem como objetivo revelar novos talentos, fomentar e difundir a produção musical, além de incentivar o desenvolvimento da música do nosso País. Concorrem canções inéditas em português nos mais diferentes ritmos e estilos: samba, rock, pop rock, samba rock, forró, frevo, folk, pagode, jazz, blues, regional, sertaneja, folclórica, MPB, entre outros.

A segunda edição acontece em quatro unidades do SESI no Estado e termina no dia 26 de outubro. A grande final será realizada em Piracicaba no dia 26 de outubro, a final da primeira edição aconteceu em Campinas no ano passado.

O evento faz referência aos grandes festivais que eram realizados nas décadas de 1960 e 1970. Essas festas de mobilização do público revelaram nomes como Edu Lobo, Chico Buarque, Caetano Veloso e Gilberto Gil e consagraram no inconsciente popular canções como Ponteio, A Banda, Arrastão e Disparada. Os intérpretes, cantores e cantoras que entoavam com maestria cada nota e palavra criadas por esses compositores, também ganharam fama. Esse é o caso de Elis Regina, Jair Rodrigues, Nana Caymmi e a banda de rock psicodélico Os Mutantes.

Durante as etapas do Festival da Canção, 10 canções já selecionadas por uma Comissão de Avaliação são apresentadas para o público e para o júri técnico, que tem como missão classificar composições e intérpretes para a grande final. As etapas tiveram início em Campinas no dia 14 de setembro, em seguida Piracicaba (21/9), Rio Claro (28/9) e Araraquara no dia 5 de outubro.

Abaixo a lista dos classificados para a etapa de Piracicaba:

Nome do Artista/ Grupo          Música

Rafael Cardoso                                                                     Velho Paraná

Ricardo Nash                                                                  A   gosto

Joca Freire                                                                            Cilada

Eduardo Marengoni                                                              Donos do Mundo

Grupo São Sebá                                                       Na Água Onde os Peixes Não Param

Vivi Rocha                                                                            Num Mesmo Espaço

Saulo Ligo e André Bertini                                                    Batalha

Marcos Mesmo                                                                     Cinelândia

Banda Ninguém Precisa ser Herói                                       Juca

Luan Carbonari                                                                                          Não Desista de Mim

Júri Técnico

O júri técnico das apresentações que acontecem na etapa do Festival da Canção de Piracicaba será formado por três pessoas com conhecimento e experiência na área cultural e artística. São eles: Farid Zaine, Marcio Sartori e Roberto Bueno Dias.

O professor e secretário de Cultura do município Limeira, Farid Zaine, também traz em seu currículo títulos como autor teatral, cantor e compositor. Farid Zaine é integrante do grupo Avena, que já conquistou mais de 200 prêmios em festivais de música em todo o Brasil com apresentações de MPB. O grupo tem três discos lançados e composições em diversas coletâneas. A Orquestra Sinfônica de Limeira foi criada a partir de suas articulações, além de ser o responsável por eventos como Canta Limeira (festival Nacional de MPB) e o Festival Nacional de Teatro.

Marcio Sartório também faz parte do júri técnico e é músico, compositor, produtor, ambientalista e diretor executivo da Empório Produções. Tem em sua história apresentações em eventos nacionais e internacionais, SESCs, SESIs, festivais de MPB, teatros e espaços culturais diversos. É produtor de trilhas sonoras para vídeos institucionais e documentários e tem sete álbuns gravados com trabalhos autorais.

O terceiro jurado é Roberto Bueno Dias, professor do Núcleo de Música da unidade do SESI Limeira e iniciou seus estudos em no violão erudito com o Prof. Geraldo Ribeiro de Freitas em Ribeirão Preto. Tem conhecimento em violão, contrabaixo elétrico e estudou MPB e Jazz no Conservatório Dramático e Musical Dr. Carlos Campos, em Tatuí. Foi integrante da Big Band Pirajazz.

Premiação

O concurso premia com R$ 8 mil o primeiro colocado. Os compositores da canção que ficar em segundo lugar levam para casa R$ 6 mil. O terceiro colocado recebe R$ 3 mil. A melhor interpretação da final também vai render ao cantor ou cantora o prêmio de R$ 1 mil.

Leia também